Alguém me avisou

Desde que caminhei,acho que alguém já estava lá para me falar por onde pisar.Dali em diante seriam minhas pegadas pelo mundo,os primeiros vestígios deixados por alguém que mal sabia se equilibrar.

E desde lá,as coisas não mudaram muito…Sigo perdendo o equilíbrio mas dessa vez já sei medir a queda.

Os anos se passam ms aquela sensação de que terão novas quedas vêm como a passagem do tempo.Mas se sei onde estou pisando isso não me aflige.

Se quero sair e conhecer novos cantos,devo levar as consequências disso comigo…assim como as primeiras pegadas;isso também faz parte do meu caminho.

Somos postos a desafios inconscientemente desde que decidimos nos aventurar,dar um passo em direção à vida e isso que será nosso combustível pra trilhar outros passos.

A cada passo novo leve consigo a mensagem…”alguém te avisou pra pisar nesse chão devagarinho”.

Então desvie das pedras no seu caminho e não se esqueça de admirar a paisagem.

 

patinhos

(foto via pinterest)

Texto:Gabriela Gomes

Espelho,espelho meu…

Temos medo de ficar sozinhos.
Um dia sem palavras trocadas,sem mensagens,sem comunicação já no traz aquela agonia que nos devora e entra na nossa cabeça quase que como um provérbio: ta faltando algo para eu me sentir feliz,me sentir amada e viva.
Dizem que esse nosso século veio para deixar nossas fragilidades escondidas e nossas frustações atrás de fotos que nos auto saboteiam,pois demonstram aquilo que queremos que o outro veja e não o que realmente pensamos ou somos.

Ficar sem celular,ficar off nesse mundo onde tudo é aprovado e rejeitado baseado em likes,não é fácil…
Fico imaginando a época em que eu adorava a internet porque era a ferramenta que eu usava após brincar por horas na rua…Mas hoje vejo que é essa ferramenta que nos usa.
Nos usa tanto que nos faz acreditar que somos o que ela nos mostra e nada mais…que precisamos dela para nos sentirmos completos.

Pensemos num espelho…não  esse falso espelho virtual que somos acostumados e sim naquele que você consegue ver cada defeito seu,cada ponto que vc ama e odeia bem diante dos seus olhos…
É esse espelho,que vai te acompanhar pra vida inteira.
Acostume-se com a visão,não questione as coisas imutáveis e se permita mudar diante aquelas mutáveis.
Seja seu melhor companheiro,seu reflexo mais bonito.
De resto,não caia na ilusão de uma vida inteira espelhada em imagens ilusórias de você.
Prefira as imagens reais.
Aquelas que você só precisa da sua própria aprovação para continuar se admirando a cada dia que passar.

espelho

(foto via pinterest)

Por Gabriela Gomes

no doubt

Se a graça da vida ja perdeu a piada como acreditar numa verdade mascarada?!
Gosto de coisas retóricas,perguntas das quais eu sempre mentalizo um novo enredo para contestá-las mas nunca acho a resposta que faltava.
E como se não bastasse,carrego também questionamentos alheios que caçam por si próprios soluções e conselhos de alguém cuja lucidez mental faz apenas uma visita semanal.

Mas se um conselho escapar que seja aquele pedindo que me tire do muro  que eu tanto abomino mas tanto me escondo.

Logo depois,pode pegar duas toses porque às vezes as respostas descem seco.

Permita a nós dois construir e desconstruir o muro que nos impede de sermos plural.E se somos crianças na fase dos “porquês” lidando com crianças que afirmam e vendem como água as respostas que lhes são contadas,então me diga;onde fica a graça em dançar descalça ? 

Desculpe me por essas questões agora somadas a você,mas desde o inicio ja estava subscrito que esse texto não é um daqueles motivadores.